,
HORA DE DOAR

Reunião define ações para a Campanha do Agasalho em Três Barras

20 Abril 2018 10:50:00

Coleta dos donativos inicia no dia 2 de maio e vai até o final de junho

TRÊS BARRAS

"Hora de doar" é mais uma vez o slogan da Campanha do Agasalho, que neste ano chega à sua segunda edição em Três Barras com o objetivo de auxiliar as pessoas e famílias carentes a enfrentar as baixas temperaturas do inverno.

A campanha é uma iniciativa do Governo do Município, por meio da Secretaria de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda, com os apoios da Defesa Civil Municipal, Leo Clube Três Barras e da Westrock, que fará a doação de caixas de papelão para a coleta dos donativos.

O cronograma e o plano de ações para a arrecadação de roupas, calçados e cobertores foram definidos durante reunião na tarde de quinta-feira,19.

Coordenado pela secretária Cleide Alberti Gonçalves, o encontro teve a participação da assistente social Eliane Hack Basílio; da coordenadora municipal da Defesa Civil, Adrielle da Costa; e também de Luiz Pacheco Júnior, do Leo Clube e de Cinara Oliveira Coelho, representante da WestRock.

Programação

A coleta dos donativos inicia no dia 2 de maio e vai até o final do mês de junho. A distribuição deve começar já na primeira semana do mês de julho, na cidade e no interior, juntamente com a entrega das cestas básicas do programa Sacolão.

Como o objetivo de conscientizar estudantes e seus familiares a serem parceiros e divulgadores da campanha, pontos de coleta serão colocados em escolas e creches do município, assim como nas secretarias municipais, prefeitura e na sede da Defesa Civil.

O recolhimento dos donativos deverá acontecer semanalmente, assim como a triagem daquilo que for coletado. "Acreditamos no sucesso da campanha, tendo em vista a solidariedade já demonstrada pelo povo tresbarrense em outros eventos semelhantes", disse Cleide.

Conforme a secretária, a campanha estará focada na qualidade dos donativos e não na quantidade, até como forma de respeito às pessoas e famílias que irão recebê-los. "O espírito de doação deve prevalecer, não o de descarte", argumenta.

Sendo assim, peças velhas, rasgadas e em péssimas condições de uso, bem como roupas íntimas, não serão aceitas como doações. "Até porque a iniciativa visa aquecer essas pessoas e amenizar a vulnerabilidade delas às doenças relacionadas ao frio", justifica.

Além da população carente, a campanha tem ainda como público alvo as entidades assistenciais, abrigos e unidades escolares.



correiodonorte





site cópia não autorizada.png

JORNAL CORREIO DO NORTE - Rua Três de Maio, 364, Centro, Canoinhas-SC - (47) 3622-1571 - Whats: 47 9659-4455

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Correio do Norte