,

Justiça Eleitoral: Termina prazo para regularizar pendências

Quem tiver o título cancelado poderá ser impedido de obter documentos, receber salários de emprego público e obter certos tipos de empréstimos

Justiça Eleitoral catarinense fez plantões para facilitar o atendimento
Foto: Fábio Rodrigues

 Nesta quarta-feira, 7, terminou o prazo para o eleitor solicitar seu alistamento, pedir transferência ou mudar de local de votação. Levando a data em consideração, a Justiça Eleitoral catarinense fez plantões durante a semana para facilitar o atendimento e o comparecimento dos cidadãos que ainda não haviam realizado esses procedimentos.

Muitos eleitores deixaram para a última hora a regularização de pendências. O prazo também valeu para pessoas com deficiência pedirem transferência para seções adaptadas.
Durante essa semana, estima-se o atendimento de aproximadamente 85 mil eleitores no País.
A retirada de segunda-via do título eleitoral, para quem já está regularmente alistado, pode ser feita até o dia 25 de setembro.
De acordo com a Justiça Federal, para poder votar, basta levar identidade com foto e saber o local e seção onde vota, além de estar alistado em situação regular. Não é obrigatório portar o título. A falta de quitação eleitoral não impede o exercício do voto e, assim como o pagamento de multas pendentes, pode ser resolvida a qualquer tempo.
Aproximadamente 142 milhões de brasileiros estão aptos a votar. Quem tiver o título cancelado poderá ser impedido de obter passaporte ou carteira de identidade, receber salários de função ou emprego público e obter certos tipos de empréstimos. A irregularidade também pode gerar dificuldades para participação e nomeação em concurso público, renovação de matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo e obtenção de certidão de quitação eleitoral ou qualquer documento perante repartições diplomáticas a que estiver subordinado.
 
BIOMETRIA
Dividido em três etapas, o cadastramento biométrico teve início em 2012. Para a terceira etapa, foram convocados 14,3 milhões de eleitores de 24 estados e também do Distrito Federal, totalizando 465 municípios. Até ontem, 11,2 milhões já haviam comparecido. Contando com os 7,7 milhões de eleitores de 299 municípios que fizeram a revisão biométrica nas etapas anteriores, o total de recadastrados já ultrapassa 18,9 milhões. A Justiça Eleitoral ressalta que o cadastramento biométrico não é obrigatório, exceto para os municípios que já passaram pela etapa obrigatória.

Imagens





2.jpg

CN Online -Lateral.jpg


1.jpg




site cópia não autorizada.png


JORNAL CORREIO DO NORTE - Rua Três de Maio, 364, Centro, Canoinhas-SC - (47) 3622-1571 - Whats: 47 9 8865-7880

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Correio do Norte